terça-feira, 18 de junho de 2013

Resenha: "Em Chamas" - Suzanne Collins

Título original: Catching Fire
Autora: Suzanne Collins
N° de páginas: 416
Editora: Rocco
Se no 1° livro a vida de Katniss era difícil no 2° ela se tornou um mar de rosas. Devido a sua vitória nos jogos Katniss se mudou para uma grande e bela casa onde desfrutava de todo o conforto, o que a deixava um pouco irritada, pois todos que conhecia de sua antiga vida ainda continuavam na mesma situação miserável. Mas como tudo o que é bom dura pouco, paulatinamente nossa protagonista descobriu que se mudar para uma casa nova não era a única consequência de sua nada usual vitória. Com o aparecimento do Presidente Snow ela finalmente entendeu que o buraco era mais embaixo. A população estava começando a olhar a Capital com olhos de revolta e o presidente temia isso, portanto em sua visita a Katniss (visita essa cheia de tensão e metáforas) lhe disse que se ela não consertasse aquela bagunça sua família iria pagar o preço. Com toda essa pressão e ainda a “disputa” entre Peeta e Gale pelo coração da amada, a Katniss se torna um pouco chata e isso leva a um começo meio parado, coisa que rapidamente passa, pois se inicia a turnê da vitória e essa é sua chance de consertar as coisas. Na turnê, o casal do 12 agora realmente tem que se tornar um casal em frente as câmeras, pois o plano era fazer parecer que o ato que os levou à vitória não era uma afronta ao estado e sim fora motivado pelo intenso amor que eles sentiam um pelo outro. Insatisfeito com os resultados da turnê o Presidente Snow, através da edição comemorativa dos jogos chamada de Massacre Quaternário, manda Katniss para a arena, onde ela novamente terá que lutar para sobreviver.

~Marcos
Postar um comentário